sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Family Zoo Electric.




O que se espera de um festival chamado Electric Zoo? Aliás, o que pode se esperar de um festival eletrônico em Nova York - uma das maiores (em todos os sentidos) cidades do mundo?

Eu não tinha idéia. Mas de uma coisa eu tinha certeza: com os amigos que eu estava, a diversão estaria garantida. Estava passando verão do hemisfério norte no Canadá, e mais uma vez a sorte aprontou comigo. Era um feriado prolongado que eu precisava viajar. Meu namorado foi para uma despedida de solteiro em Amsterdam e eu precisaria de um lugar para me divertir e nem parar para pensar o que ele estava fazendo lá. Vi uns pacotes baratinhos para Cuba, mas não tinha ninguém pra me acompanhar. Amo minha própria companhia, mas estava vivendo uma fase saturada de ficar sozinha - provavelmente porque sempre bate uma solidão quando se está morando num país diferente do seu. Vancouver era uma outra opcão, pois tenho uma amiga morando lá, mas atravessar o Canadá de ponta a ponta é mais complicado que se imagina. Mas to the rescue, here I am nesse mesmo fim-de-semana o Ru e a Ana estariam lá, indo para esse festival. Não podia pedir por mais, mas de brinde também estava em NY a Bru Abbud - então nem pensei duas vezes. Marquei meu busão. Isso mesmo! De Toronto à NY são doze horas de ônibus, e se comprar antecipado fica por só 45 dólares o trecho. Maravilha!

E olha que nem sou muito fã de NY. Mas dessa vez não dei de turistóide, não fui ver a estátua da liberdade ou a Times Square. E foi a vez que mais gostei da cidade. Almoço no Soho, after na Union Square. E o festival.

A resposta para o primeiro parágrafo eu deixo vocês adivinharem. Dá uma olhadinha nesse vídeo e me diga você: valeu a pena? Será que a gente se divertiu? O vídeo tá um pouco mais longo que os outros, mas vale a pena. Eu, pelo menos, fico babando de vontade de ir de novo o ano que vem. Mas, até lá, vamos esperando que outros virão.

ViajeEmVídeo em NYC!